You are currently browsing the monthly archive for julho 2009.

(Sabe aqueles beats que tem um pedaço da original na intro, depois começa a bater pra valer? Então, hoje  vamos pular a intro e eu vou tentar  ir direto ao ponto, no fim eu não consigo, mas que se dane, ráaaaa).

.

Esses dias, uma amiga me perguntou se eu já tinha assistido Kids.  Demorei um pouco, mas me lembrei e comecei a rir. Kids é um filme lançado em 1995, dirigido pelo louco polêmico Larry Clark , uma “produção focada em um dia da vida de um grupo de jovens sexualmente ativos de NY e mostra seu comportamento diante de sexo e drogas durante a era do HIV em meados dos anos 90.”

Quando eu assisti, a uns 10 anos atrás fiquei bem chocada. Imagina: eu, uma pivete que mal entendia o quanto o mundo é cruel (momento drama mode ON) e ficava meio  incomodada  quando a professora de biologia falava sobre reprodução e se empolgava ao ouvir os burburinhos e ver extremo  interesse dos meninos da classe (e as garotas que fingiam não se interessar mas no fundo ficavam de ouvidos e olhos bem atentos).

Voltando ao filme, ele é bem ‘cru’ e realista, polêmico,  daqueles que fariam sua mãe pensar seriamente em te trancar em casa ou mandar pra um convento na Suíça (bem trama global das 18h). Bãooo…minha intenção nem é escrever a resenha de um filme, ainda mais a essa hora. É que eu fui no iutubiu procurar alguma coisa sobre Kids. Assisti esse, e percebi algo que com certeza, a mais ou menos uns 10 anos atrás eu jamais teria sacado: a trilha sonora do filme.

É, a trilha sonora é foda. Bem foda mesmo. Prestando atenção nesse pequeno trecho onde rola uma daquelaa clássicas festinhas americanas, no estilo “Hey dude, meus pais foram viajar,  traz dogras (do-gras!) umas mina e cachaça você também pode sacar (ou não) alguns sons.
.

[Youtube=http://www.youtube.com/watch?v=ioTJ4a0-ENQ]

.

Aí, conversando com outro amigo, comentei sobre o filme, e ele claro, também já tinha assistido, concordou comigo sobre a trilha sonora e ainda me ajudou a lembrar de quem era o som que aparece na parte em que Telly (o fdp garoto que se diverte horrores tirando a virgindade das gurias tão burras ingênuas, desprotegidas e depois nunca mais olha na cara delas a não ser pra tirar sarro, além de contar pra meio mundo as coisas que fez, aumentando bastante os fatos) tá ficando com uma garota encostado no poste. Pra ser mais precisa: 6:36 do vídeo. Flagrou? Não? Então taí:

.

[Youtube=http://www.youtube.com/watch?v=28J2NkP3Jps]

.

Durante a orgia festinha, jovens moderníssimos pra época, se drogando, com crianças envolvidas fumando como se aquilo fosse cigarrinhos de chocolate Pan. Adultos? Isso não te pertence mais! Continuando, ali nos 4:30 mais ou menos, mais uma pedrada que se esconde em meus backups, uma coletânea sujíssima entitulada como sendo de El Da Sensei (ahuahauahua) mas ainda bem que existem esses amigos pra falar:  “Lucianaaaaaa, tem alguma coisa estranha ai.” Ok, vamo confirmar: o tal  som é do Artifacts,  grupo do qual El Da fez parte a muito tempo atrás. E vou te falar: Sujeira do começo ao fim.


 “Tá vendo só, por isso que eu não confio nessas coletâneas de internet, confio nos DISCOS” (ameego). Sábias palavras, hahaha. Taí:

.

[Youtube=http://www.youtube.com/watch?v=uvhDS6yrw-g]

.

E pra fechá: no fim, talvez um dos melhores da trilha sonora de Kids:

“Eu pegava esse álbum emprestado com meu amigo só pra ouvir esse som, que é muito foda”

.

[Youtube=http://www.youtube.com/watch?v=Kri9KySzsYo]

.

Não tenho a menor dúvida disso. Ouve, depois me fala. Assiste, e depois me fala também. Dá pra sentir a rua nesse som aí, coisa que muita gente bate forte no peito mas não vejo graça nenhuma. É o que eu sinto aqui hoho; e agora não consigo parar de ouvir.  Alguém me dá um tapa?
Mas, chega de falar de Kids, vou dormir, logo mais eu volto…

Hasta,

.

.


L.

.

P.S: Vale a pena ler a versão da Desciclopédia, bem idiota, maseuri! 😮

P.S²: Se um dia eu for dj, vou tocar essa no rolê. Mark my words!

P.S³: Obrigada, Mr. K.

.

 

 

 

 

[Youtube=http://www.youtube.com/watch?v=N_9BDKDwkJ8]

.

Gostou? Então segura essa:

.

[Youtube=http://www.youtube.com/watch?v=CzyZi4lHo2g]

.

 

.Bom domingo!

.

L.

.

“Discos, livros, comer e beber bem, amigos velhos e novos,
viagens. Não preciso de muito mais que isso pra ser feliz.”

Tiago Munhoz

.

(.identificação.)

.

.

(preguiça&vontadedepostarmodeON)

.

Não sei bem por onde começar, provavelmente porque eu nunca toquei nesse assunto por aqui, e só as pessoas mais próximas de mim sabem, mas vamo lá. Vamo fazer uma forcinha hahaha…

Sabe aquela sua amiga (ou amigo) que come feito um boi e não engorda nem com reza braba? Já usaram todas as justificativas possíveis, mas não, eles não estão mais em fase de crescimento (veja meu caso, já passei dos 20), não frequentam academia, não correm 4km diários no Ibira, e definitivamente não tem o que se pode chamar de hábitos saudáveis.

Existem várias causas pra esse “fenômeno” (haiahuiahauia), mas eu vou citar apenas uma: a que eu vivo não sei a quanto tempo, mas tenho conhecimento a exatos 4 anos. Senhoras e senhores, eu me refiro ao Hipertireoidismo. It’s a ugly name, I know!

O hipertireoidismo é um distúrbio causado pelo excesso de funcionamento da glândula tireóide ou da ingestão dos hormônios da tireóide. No meu caso, a glândula trabalha demais, e isso ‘rende’ alguns sintomas… entre eles:

 

 

 

Fome excessiva, aumento ou atraso do ritmo intestinal;
Nervosismo, insônia, instabilidade emocional;
Tremores, intolerância ao calor, palpitações,
frio excessivamente exagerado;
Emagrecimento, olhar vivo e brilhante, sonolência.
Pele quente e úmida, ou fria em alguns membros com
tendência ao ressecamento. Unhas quebradiças;
Cabelos podem ficar secos, quebradiços e encaracolados além do comum.
.

 

Esse são alguns dos sintomas. E claro que não é regra que a mesma pessoa apresente todos eles, isso varia muito de organismo para organismo. Se você tem mais de um deles também não quer dizer que você tenha hipertireoidismo.
Agora, como foi que eu descobri? Em meados de 2005, minha mãe reclamava muito da minha ‘palidez’, que o cabelo caía muito pela casa, e o meu sono constante. Me encheu até que eu fosse fazer um
hemograma. Imagina, eu tentei adiar isso ao máximo que pude, pois tenho pa-vor de ver sangue, ainda mais o meu, sendo sugado por aquelas agulhas horrorosas 😦 [momento drama modeON). Ah, mas claro que eu não cheguei na padaria pedindo meia dúzia de hemogramas. Primeeeeeeiro, fui a um médico a.k.a Clínico Geral, e ele me encaminhou pra forca pro laboratório.Tive que falar tudo que a minha mãe suspeitava que eu tivesse, e como toda boa mãe que se preze ela exagera pracaralho um pouquinho. Ela tinha certeza que o meu problema era anemia.

Alguns dias depois, eis que, com meu exame em mãos, fui visitar o doutô de novo. Ele analisou tudo, e confirmou que eu não apresentava naaada de anemia. Nem se quer uma suspeita (rá!). Mas…”o TSH está bem acima da média.” Não entendi merda nenhuma, mas só por um momento, quando ele tentou ser legal e me explicar um pouco do que estava por vir… Me encaminhou para outra consulta com especialista, dessa vez com endocrinologista. E um exame específico “TSH e T4.” Lá fui eu mais uma vez, laboratório (ai que saco!) e foi bem pior. Nesses últimos tiveram que coletar bem mais sangue do que num hemograma comum, ou seja: vários tubinhos, pois é um exame de auto-prescisão. Imagina o quanto eu adoooreeeei fazer né? Hahahahah ¬¬’

Bem, chegando na consulta, a doutora fulanadetal, suuuper gente boa e simpática, me tirou TODAS as dúvidas e ainda me tranquilizou. O nível de T4 no meu sangue estava realmente bem acima da média. Na minha idade, os valores correspondem a 1,64 a 1,67. E o meu…estava 2,32 por ml. (pânico).

Ela  me perguntou o que eu sentia, e o que podia ser ‘anormal.’ Fez o diagnóstico, e constatou que eu realmente tinha hipertireoidismo. Por isso comia, comia, comia e não engordava. isso quando não emagrecia horrores. É, eu com 1,68m tive uma crise a 2 anos atrás, que me levou a pesar 47 kg. Desesperador, já que isso em mim é #estadoterminal na certa. Hoje, peso entre 52 e 54 kg. E não passo disso, mesmo. Se eu quisesse ser modelo, talvez ajudasse, mas como essa opção estava e está totalmente fora dos meus planos, foi horrível. Nessa época eu não conseguia comer nada. Apenas uma fatia de pão de forma puro pela manhã e um copinho de coca-cola. E olha que eu sou viciadíssima em coca-cola. O estômago não aceitava mais nada, parecia ter vida própria, me desafiando. Eu sentia fome, mas não descia, nem que a minha mãe fizesse as coisas que eu mais gosto de comer. Argh. Lá fui eu pra endócrino oooutra vez.

.

Na época do meu primeiro “TSH’ ela disse que eu era muito nova pra tomar hormônios. E que era melhor esperar, só ía receitá-los em último caso. Então, eu cheguei em seu consultório com o ‘último caso’ ahauihauiahau… (agora eu dou risada, mas na época fiquei assustada, assumo!). Fiz mais exames. Ela me receitou hormônios manipulados, e eu tive que tomá-los durante 3 meses, dando pausa de 2 e assim eu deveria continuar um tratamento, durante um ano.
Passou um ano, e eu? Não voltei pra me consultar, o que é um tremendo erro! No ano seguinte, eu tive alguns sintomas dos meus hormônios reagindo. Menstruação? Desregulada. E eu nunca tive problemas com isso… Ficou durante meses sem aparecer (e eu tava gostando, o que é pior ahiahauiahua). Esse é o problema: a gente acha que certos distúrbios nos trazem vantagem, o que no fundo é ignorância! Quantas vezes eu já não ouvi de amigas e conhecidas: “Nossa, você come de tudo que quiser e não engorda, como pode?” Eu digo que tenho hipertireoidismo, explico bem resumidamente o que é… e sabe o que 90% responde? “Ai que inveja…quero ter isso também, assim não vou precisar me matar na dieta” E assim por diante. Mas aí que tá: eu como o que quiser mesmo e não engordo. Não retenho líquidos com facilidade. Mas o intestino também não contribui; certos dias sinto um sono que não acaba nem com 10 horas dormidas. E eventualmente uma insônia que dura dias a fio. Como tudo que dizem engordar e neguinho passa vontade mas não ingere pra ficar ‘em forma.’ Mas e o colesterol? Geeente, eu tenho ‘tendência a engordar.’ Meus pais são gordinhos (mas não obesos) e na teoria eu tenho essa tendência. Já na prática…

Bom, dizem que é hereditário, outros que não. Tenho casos de hipotireoidismo na família (mas isso é outra coisa bem diferente, é quando a tireóide NÃO trabalha como devería, nada a ver com hiper). E então, se formos pensar bem, eu deveria ter hipo e não HIPER. Ai, isso pode parecer complicado, mas se prestar atenção, fica mais claro.
Quantas pessoas tem esses distúrbios e não sabem? Em recém nascidos, os efeitos podem retardar o funcionamento de diversos órgaos e gerar deficiências! Então, não é brincadeira, nem “uma doença boa de se ter” como já ouvi por aí.

Esse post realmente não segue a linha das coisas que eu costumo escrever, eu sei. Mas já tô marcando meu próximo exame com endócrino. E lá vou eu pra mais um exame de rotina: hemograma completo+ TSH/T4. Se você apresenta mais de 3 desses sintomas…vale a pena pensar no assunto. E se você vive fazendo diversos tipos de dietas sem sucesso, mesmo com acompanhamento de nutricionista, vale a pena pensar TAMBÉM. Afinal, quem tem hipotireoidismo apresenta um sintoma principal contrário ao meu: Deixa de comer, às vezes até passa fome afim de emagrecer e ou não pára de engordar, ou não consegue perder peso de jeito nenhum.

Então, fica aí a dica (sempre quis dizer isso..quáquá)
Por enquanto, vou ficando por aquee.

Hasta,

 

L.

 

P.S: esqueci de dizer que tanto o ‘hiper’ quanto o ‘hipotireoidismo’ não têm cura. Nem prevenção. O que se pode fazer é diagnosticar esses distúrbios hormonais através de exames específicios, e tratá-los o quanto antes, evitando piores consequências, como infertilidade, e até mesmo o total funcionamento da tireóide…então o melhor a fazer é SIM, consultar-se periodicamente. Afinal “o seguro morreu de velho…” (e eu também continuo odiando me consultar).

 

.

.


.

‘                 Bee. diz:
cada dia mais eu sei que beatles sempre serão Os caras

guilherme diz:
sim
‘               Bee. diz:
(L)


guilherme diz:
já tenho dó dos filhos de quem ouve jonas brothers…


‘        Bee. diz:
…??


guilherme diz:
eu que tive o privilégio de ter pais que escutam beatles


guilherme diz:
…só posso ter dó dos filhos dessas pessoas


‘                Bee. diz:

sumemo! aheauiheuiehaiuehauiehauieahuihauiaha

.

.

Aeeeee!

.

a caminho

a caminho

.

DSC02141d

eu, por Mila Kodaira

DSC02121

=)

.

DSC02212

L.

.

DSC02068

look up the sky it's a bird, it's a plane...

DSC02071

L. (Mila ali embaixo toda concentrada, lendo)

.

DSC02183b

L.

.

DSC02033b

L.

.

DSC02067b

Me, by Mila Kodaira

.

.

.

Essas fotos foram feitas no Jardim Japonês, um lugar maravilhoso criado  pela Prefeitura Municipal de São José dos Campos no ano passado, em homenagem aos 100 anos de imigração japonesa no Brasil. O dia estava lindo, uma tarde muito agradável, e aproveitando  o feriado, Mila San e eu fomos lá aproveitar um pouco desse verde…hoje o dia foi de, mais uma vez curtir a família, no aconchego do lar hahaha…e tem coisa melhor?

.
 
.
 
.
E hoje, bora voltar pra SP, muita coisa pra resolver, muito corre pra agilizar. Tá sabendo? Se não tá, então se liga:
.
.
 
flyer_internet_

 

.

Oficina de Mc’s com Emicida e Max. B.O. Porque eles também tão com NÓIZ! Amanhã, no CEU Butantã, a partir das 14h.
Pode ir seguindo que logo mais, lançamento oficial do www.noiz.com.br
Applebum Crew, Dj’s Kl Jay, Will e Clã Leste? Tambéeem tão com NÓIZ!

O lugar da cultura urbana na internet. Sumeeeemo!

(;

 

L.

Ronaldo. Brilha Muito no Curintcha.”

(Mãe, fico feliz que você tenha deixado o vício de falar
isso de minuto em minuto. Agora é o meu pai :S).

Valeu, Zina!

7334hv

.

Sabe quando você tem um álbum a um tempão, ouviu meio que correndo e nem prestou muita atenção? Aí um dia, você põe pra tocá e pensa “como eu pude deixar isso passar batido?” Por isso que eu gosto da madrugada. Sentidos mais aguçados, e, mesmo que eu esteja morrendo de sono, a percepção continua maior. Você ouve aquele som que te deixa se sentindo bem demais. E…pá-pum: eu já tinha o álbum com sample LOGO dele. Gosto demais desse grupo e dessa música, e já que usaram…(e como usaram!)

.

[Youtube=http://www.youtube.com/watch?v=v-ToR5YyBdQ&feature=fvst]

.

Venho aqui compartilhar com quem quiser =)

.

[Youtube=http://www.youtube.com/watch?v=qkBC0EXxKpY]

.

Ok, eu sei que já tá na hora de parar um pouco de ouvir  meu álbum preferido a.k.a Youth is Yours do Lexicon… afinal, já são quase 2 anos e meio todos os dias, no repeat… Mas taí um grande candidato, não a substituir, mas a encarar o páreo duro de ficar lado-a-lado com Nick e Gideon, os meninos esquisitos do Léxico. Me refiro ao Misery Loves Comedy, de Louis Logic e J.J Brown. Eu que só levava a “All Girls Cheat” no mp3, agora vou levar todas as músicas. Que eu já simpatizava com o Louis Logic é fato. O cara tem uma levada monstra,  que combina perfeitamente com os beats do J.J. Brown, e o que é mais legal: não dá pra confundir sua voz, definitivamente aheiuaehuiaha…tem aquela marca registrada, sabe? As letras são super “pra cima” e mais uma vez…naquela mesma pegada do Lexicon, aborda relacionamentos de uma forma divertida, leve e descontraída (isso tá uma mistura de propaganda de água mineral com Melissa, I know). Enfim, não vou colocar merda nenhuma de link pra baixar,  quem quiser que procure, rá! Brincadeira.

Tô com preguiça, quem sabe depois…

.

 

.

.

DSC01798b copy

.

DSC01833b cópia cópiaDSC01870d cópiaB

.

DSC01853

.

DSC01927b cópia DSC01753d cópiaBB

.

DSC01807

Começou na quinta-feira, 02 de Julho, um dia nublado e cinza em SP, mas não menos divertido. Comemoramos com catigoria, jantando a batata rösti mais pheena da capital, mais exatamente na Vila Mariana, com direito aquela especialidade suíça de encher os olhos. E sábado, pena que não deu pra todas as pessoas importantes pra mim comparecer (vocês sabem quem são), pois acabei decidindo de última hora mesmo…Mas realmente foi melhor do que eu imaginava. Meus pais e melhores amigos reunidos com muita risada envolvida (muita!)…que mais eu posso querer? Valeu a pena cada segundinho. Agora sim, meu ano começa, e muito bem! =D

.

.

(=

My Flickr

Bagunça das gavetas

Alphabet Soup

  • Nenhum

Alôr?

  • 13,039 playmobils in this toy store

Tweeters

Páginas

julho 2009
S T Q Q S S D
« jun   ago »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031